O Chile como você nunca viu

O Carioca Travelando tem o grande prazer de receber a amiga Maria José Núñez Alvarez. Paulista, Maria é  formada em Arquitetura pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, e apaixonada por artes e trabalhos manuais. Junto a seus dois filhotes e esposo, já moraram no Brasil, Jamaica e atualmente vive na Arábia Saudita há quase 2 anos. Ela é particularmente apaixonada pelo Chile, afinal é a terra pátria de seus pais. Hoje Maria nos conta um pouco sobre esse vizinho encantador, de lindas montanhas e rica cultura – O Chile como você nunca viu. Maria, muito obrigada dividir suas dicas com Carioca Travelando!
O Chile como você nunca viu –  by Maria José Núñez Alvarez

O Chile é um país longo e estreito, banhado pelo Oceano Pacífico de ponta a ponta em sua extensão. Por isso o que fazer no Chile pode ser um desafio: você pode ir aos glaciais no extremo sul do país, até visitar o impressionante e mais árido deserto de Atacama, com seus selares e gêiseres na região norte do país… Bom eu recomendo tudo, pois o Chile, sem dúvidas, é um dos mais belos países da América do Sul e vale muito apena conhecer seu povo e sua cultura, porém vou resumir meu relato a minha última visita que foi na região Central na capital Santiago e seus arredores.
Atacama
Planejando sua viagem: O Chile no mês de Setembro
Setembro ainda é inverno, e a temperatura pode variar entre 5 a 25 graus Celsius durante o dia, o que você precisa saber é que todas as manhãs e todas as noites são frias em Santiago (mesmo no litoral onde o sol pode ser de rachar em pleno meio dia, não esqueça de levar sempre um bom casaco para essas ocasiões).
Santiago é uma metrópole moderna com ar de cidade européia, e é um bom lugar para se hospedar. Você estará próximo de shoppings, restaurantes  e das atrações mais visitadas.
Santiago 
Nós desta vez ficamos no Radisson que eu particularmente gosto muito, desde o serviço até as acomodações, se tiver sorte, pode contar com uma vista magnifica da cordilheira, fora isso a localização é show, está a poucos passos do lado do prédio mais alto da América Latina (recém inaugurado) o “Costanera Center” – que conta com um shopping, restaurantes e supermercado. Tem também uma estação de metrô que chega lá mesmo no shopping, fácil de se localizar e de locomover.
Alugamos um carro para termos maior mobilidade com as crianças, mas já aviso que o trânsito na região, não é lá muito animador. Se você preferir, táxis e transporte públicos são excelentes meio de transportes pela cidade. Caminhar é seguro e pode ser uma agradável experiência.
Festas Pátrias
Em 18 de setembro se comemora o mês da independência do Chile. Este é um mês de festas pátrias e ramadas (a magnitude pode ser comparada ao nosso Carnaval). São festas com comidas, danças típicas, e muito vinho! A semana do dia 18 é um feriado prolongado e a cidade se veste de vermelho, azul e branco (cores da bandeira). 
Muitas danças típicas
Nós como estávamos de partida nos primeiros dias de Setembro, pegamos uma pré-ramada, no parque bicentenário no bairro da Providência. O parque é muito bonito e deu pra ter uma boa idéia do que é essa celebração. A festa estava cheia de gente bonita, danças folclóricas e banda militar. A comida estava deliciosa, empanadas, choripan, asado al palo… 
 
Para a criançada tinha mini roda gigante, corrida de saco, “ralluela (um jogo parecido com bocha), até mini fazendinha tinha, com porquinhos, pintinhos e etc. Onde depois de uma longa fila, os pequenos podiam tocar, abraçar e desfrutar alguns minutos com os pequenos animais. Bom, e para a mulherada, tinha feirinha de roupa artesanal-chic… tudo lindo demais!
Patio Bella Vista
Você não pode deixar de visitar o bairro Bella Vista. É um bairro conhecido tradicionalmente por ser boêmio, cheio de barzinhos e restaurantes com muita “personalidade”. Lá está uma das três casas de Pablo Neruda (Premio Nobel de Literatura), que ele mesmo a chamou de la chascona (que significa, descabelada), sem dúvidas, muito interessante de se visitar.
No bairro, você encontra o Patio Bella Vista, um lugar que mistura artesanato e arte de qualidade tudo feito por artistas locais, além de restaurantes para todos os gostos… tudo lindo!
Patio Bella Vista
Eu particularmente recomendo o Linguria; é um restaurante de clima descontraído, e decoração peculiar, localizado no bairro da Providência. Servem desde deliciosas machas a parmegiana e lasanhas… tudo uma delícia. Se você der sorte, quem sabe não acaba esbarrando em alguma celebridade Chilena?
Restaurante Linguria
Parte interna do Restaurante Linguria
Mercado Persa
Se você quer fugir de pontos turísticos badalados, e conhecer um outro lado de Santiago, esta dica é para você. O mercado persa é muito famoso pois você encontrará de TUUUUDO e por uma bagatela (lá tem muita coisa velha, tipo tranqueira mesmo). Mas lá você  também encontrará antiguidades que muito valem a pena… eu diria que no mínimo é interessante conferir.
Mercado Persa
Restaurante Cerro San CristobalQuem procura um jantar romântico a dois, com uma vista espetacular de Santiago à noite, ao som de violinos e saboreando um delicioso vinho Chileno (óbvio)? Se você disse “EU!”, este é o lugar. O restaurante, San Cristobal, está no topo do Cerro San Cristobala pouquíssimos minutos do bairro da Providência.
Vista maravilhosa de Santiago
Bom, eu ficaria escrevendo aqui por horas a fio, sobre lugares para visitar no Chile, depois de tantas vezes voltando a terra de meus pais, mesmo assim, ainda me surpreendo a cada chegada, com novos lugares e diferentes paisagens. O Chile assim como nosso Brasil, é para se descobrir devagarinho, para voltar muitas vezes as diferentes regiões do país. Mas se for ao Chile por pelo menos uma semana, não deixe de conhecer (é possível ir durante o dia), o litoral mais badalado da região metropolitana nas praias de Viña del Mar (lá tem famosos casinos) e Valparaíso,com suas peculiares casinhas coloridas. 
Não esqueça de andar nos bondes e de observar a baía lá do alto (tudo a uma hora e meia de Santiago). Também faça o tour na Vinícola Concha y Toro e deguste os vinhos de lá. E não deixe de ir à Valle Nevado (fica a uma hora de Santiago) pra esquiar (se for no inverno), você pode se hospedar lá ou ir só para aproveitar o dia. 

Boa viagem!

Maria fazendo pose no Valle Nevado
Fotos e Texto by: Maria José Núñez Alvarez
 
Eu (digo que vergonhosamente!), ainda não tive a oportunidade de visitar o Chile, fiquei com mais vontade ainda de conhecer esse país, com uma geografia tão diversificada (praia, montanhas, neve…), que é tão rico culturalmente. O Chile hoje, sem dúvidas, é exemplo para o Brasil e seus vizinhos da América Latina, nos quesitos educação, qualidade de vida, economia, dentre outros. Como a Maria já comentou bem no post, não dá pra conhecer tudo na primeira visita: tem que voltar e desbravar com detalhes sua arte, rica história e deliciosa gastronomia. O Chile, agora mais do que nunca, está no topo da minha wish list :)
Nos vemos em breve no próximo post ou nas atualizações pelo Instagram e Facebook. Até lá! 
Carla F.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

CommentLuv badge